terça-feira, 22 de março de 2011

Por que amar o próximo

Por que amar o que conheço
Se o desconhecido me fascina?
Por que amar um poeta do passado
- Por maior que tenha sido -
Se posso guardar este amor
para um maior que está vindo?
Por que me preocupar com este planeta
- Tão degradado pelas nossas próprias mãos -
Se há outros ao alcance da nossa destruição?
Por que amar o próximo
Se posso amar alguém de outra galáxia
Em outras eras, de outras formas?

Diego Domingos, 6/2/2001

Nenhum comentário:

Postar um comentário